Assim como na restauração indireta, a direta tem como objetivo repor a estrutura do dente. Mas, por ser feita no próprio consultório do dentista, é indicada para casos simples, como uma obturação ou cobertura de uma pequena fratura. Na Oral System Laranjeiras, realizamos este tipo de procedimento com resina, amálgama ou porcelana. Confira mais e saiba suas indicações e durabilidade!

O que são restaurações diretas?

Diferente da restauração indireta, que necessita de um molde feito externamente, a direta é um procedimento realizado no próprio consultório do dentista de uma única vez. Ela é adequada para casos mais simples de fraturas ou fissuras de cárie (obturação), quando apenas a superfície do dente é atingida.

Quem deve fazer?

A restauração direta é indicada para pacientes com cáries, pequenas fraturas e alinhamento estético. Ou seja, apenas para preencher pequenas partes que foram perdidas ou que devem ser retiradas. Vale lembrar que o procedimento é feito sob anestesia.

Quais os tipos e durabilidade?

Este tipo de procedimento pode ser feito com resina, amálgama ou porcelana. A primeira, a mais utilizada, possui material resistente e, por possuir diversos tons, o resultado fica mais natural. Já a amálgama, apesar da boa resistência, está deixando de ser utilizada por fatores estéticos, pois sua cor cinza diferencia muito do natural dos dentes. A porcelana, quando comparada às outras, possui mais benefícios, pois além da maior durabilidade, resistência e aparência mais natural, também evita o risco de infiltração e amarelamento.

Qual o valor?

O valor do tratamento varia de acordo com o material indicado pelo dentista e optado pelo paciente. Além disso, é feito uma análise para indicar o que e qual (ou quais) dente será restaurado.

Menu
WhatsApp chat